Maçonaria X Igreja Católica

              Hoje quero falar um pouco sobre a Maçonaria. Primeiramente pense um pouco comigo, será que é licito mesmo um católico de fato afilia-se a uma loja maçônica? Ou um(a) jovem ser DeMolay, ou Filha de Jô? Um homem ser um Maçom? Ou seja, sempre é bom refletir um pouco, mesmo se isso fosse falso, mesmo que a igreja permiti-se a filiação, sempre é bom parar e pensar, principalmente porque como dizem todo boato tem 10% de verdade.
            Falo dos DeMolay e das Filhas de Jô, porque estas duas têm uma ligação muito estreita com a Maçonaria, e na maioria dos casos os jovens ao saírem vão direto para a maçonaria. E ambos os membros delas tem a maçonaria como a “mais bela instituição” da humanidade.
            Seria interessante vermos um pouco da história da Maçonaria, mas como não temos tempo e isso tornaria a leitura um pouco chata, deixo esse trabalho para os mais curiosos, mas deixo uma ponderação, só digo para ter cuidado onde vão pesquisar, já que a internet é uma ótima aliada, mas pode ser a pior vilã de todas.
            Bem vamos à questão em da postagem, pode um católico entrar em uma associação maçônica? Vejamos primeiramente o que o CDC diz sobre isso, no Cân. 1374 está escrito da seguinte forma: “Quem se inscreve em alguma associação que maquina contra a Igreja seja punido com justa pena; e quem promove ou dirige uma dessas associações seja punido com interdito”. '
            Como diria um dos meus professores do Ensino Médio: para bom entendedor me pala ba (meia palavra basta)”, mas infelizmente não é essa a realidade dos fieis da nossa Igreja, e no mesmo dia do lançamento do CDC dia 25 DE JANEIRO DE 1983 no quinto ano do Pontificado do Papa João Paulo II, foi-se indagado se mudou a posição da igreja sobre a Maçonaria e outras instituições, como por exemplo, a Rosa Cruz, o que foi respondido no dia seguinte.
            O então Cardeal prefeito da Congregação para doutrina da fé Joseph Card. RATZINGER – atual Papa Bento XVI –, preparou e publicou um documento para esclarecer o ocorrido, este documento pode ser encontrado no site do Vaticano – Clique Aqui – o que nos esclarece bem, e mostra qual punição é dada aos que estão nela, a excomunhão: “os fiéis que pertencem às associações maçónicas estão em estado de pecado grave e não podem aproximar-se da Sagrada Comunhão.”.
            Esta excomunhão não é só uma atitude tomada hoje, mas algo que já esta na tradição da Igreja a séculos, esta já foi lançada pelos Papas Clemente XII, Bento XIV, Pio VII, Gregório XVI, Pio IX, Leão XIII, Pio X e Pio XI. O Código do direito Canônico antigo nos cânones 342, 693, 1065, 1241, 1453, 2353, 2339, inculca penas contra a Maçonaria e os que a ela se filiam.
            No mesmo documento a igreja diz claramente que não compete às autoridades eclesiásticas locais pronunciarem-se sobre a natureza das associações maçônicas com um juízo que implique derrogação de quanto foi acima estabelecido, e isto segundo a mente da Declaração desta Sagrada Congregação, de 17 de Fevereiro de 1981 (cf. AAS 73, 1981, p. 240-241).
            O problema esta no fato de hoje não se é tomada mais um atitude firme por parte de alguns Sacerdotes – Padres e principalmente os Bispos – já que os mesmo aceitam “católicos” que são da maçonaria. Os mesmos não só recebem Jesus Eucarístico, são membros quando não coordenam de diversas pastorais ou movimentos, dentre os que conheço, na minha paróquia o ECC (Encontro de Casais com Cristo) é praticamente dominado por esta instituição, fora os outros movimentos, até mesmo o movimento ao qual vi mais lutar contra ela na diocese, na paróquia tem membros que ou pertencem a esta ou aceitam que seus membros sejam católicos, como já frequentei o mesmo – RCC – aqui sei, lembro que no primeiro Retiro de Vida no Espírito Santo de Umarizal, um dos pregadores falou contra a Maçonaria, muitas pessoas elevaram a voz contra ele, mas este continuou firme, graças a Deus, mas suas palavras foram contra o vento, já que hoje acontece o que relatei.
            Antes fosse só na minha paróquia, mas varias outras tem durante a festa de seus padroeiros uma noite dedicada a essa maldita instituição, às vezes me pergunto o porquê do Bispo se omite com esses acontecimentos, sempre espero a melhor oportunidade para perguntar a ele diretamente sei que terei a logo, já que temos a sorte de Dom Mariano nos atender sempre e com maior alegria.
            Somente esta declaração deveria ser o suficiente para acabar com todos os tipos de discussão e erros, mas não foi o caso, hoje temos uma grande batalha pela frente, todos nós que somos verdadeiros filhos de Abraão, descendentes da Mulher do Gêneses Maria Santíssima, temos que lutar contra esses, até como o próprio Deus prometeu, esmagar a cabeça dessas serpentes.
            Esta Mesma em uma de suas aparições nos fala sobre a maçonaria eclesiástica, nos alertando de uma invasão de dentro da igreja, uma tentativa de destruir a Igreja de Cristo de dentro, o que nos faz entender melhor o motivo dos escândalos dos sacerdotes da Igreja.
            Temos vários relatos de padres que tomaram a atitude correta contra esses excomungados, em um documento escrito pelo Mons. Ascânio Brandão que ao saber que em sua paroquia iria ser construída uma loja maçônica em seu documento comentou as seguintes informações acerca da maçonaria: "A Maçonaria é uma seita secretas condenadas reiteradas vezes pela Igreja Católica, é que não é possível que um católico for a mesmo tempo um maçom e um filho da Santa Igreja, já que existe uma incompatibilidade radical entre a Maçonaria e a Igreja Católica". Ele também fala que "por mais que os maçons procurem iludir os fiéis dizendo se tratar apenas de uma sociedade beneficente e de fins altruísticos, não é possível conciliação alguma entre as duas ideologias, e ficando assim prevenidos que a filiação incorra em pena de excomunhão. E como excomungados não podem participar da vida da Igreja, estão excluídos do grêmio da Santa Igreja desde o momento em que prestem o juramento maçônico".
            Ele continua assim o relato, "o que mais é preciso para um católico? A Igreja venerável que luta há vinte séculos pela integridade da fé há de ter razões muito graves para fulminar tais e tão graves penas. Querem alguns católicos dar lições à Velha Igreja de Cristo? Quem deseje obstinadamente se filiar a Maçonaria que o faça. Não podemos lhe tirar a liberdade, quem se faz maçom não procure a Igreja para os Sacramentos, nem para qualquer ato da sua vida espiritual e litúrgica. O excomungado, como diz a palavra, está excluído da Igreja Católica. Não pode existir católico maçom nem maçom católico. Nada de confusões! E como tal não pode receber os Sacramentos, a não ser que renuncie a Maçonaria e abjure o erro. Não pode ter funerais na Igreja após a morte, nem Missa de sétimo ou trigésimo dia, etc".
            "O maçom não se apresente como padrinho de batismo ou de crisma, nem tome parte alguma em festas de Igreja ou em qualquer atividade religiosa. Fiquem todos, pois assim prevenidos para que não venham criar casos nem celeumas na Igreja, em lamentáveis questões que já tem trazido sérios conflitos entre sacerdotes e maçons. Peço aos maçons de minha paróquia um pouco mais de coerência e sinceridade nas suas atitudes. Considerem-se excomungados, desligados da Igreja Católica na qual foram batizados e viveram, e à qual renunciaram pela Maçonaria, seita condenada muitas vezes pela Santa Igreja. E repito: Não se pode ser católico e maçom, nem maçom católico."
            Bem minha intenção com esse post não é arrumar confusão com ninguém, mas sim dizer a verdade, sempre busquei ser profeta da verdade e quero que essa seja sempre divulgada em nossa diocese, então peço que os maçons não só da minha paróquia, mas como de toda diocese, ou melhor, aqueles que insistem em se declarem católicos, mas como já ficou provado são excomungados, sejam sinceros e não mais se digam católicos e “tirem a máscara”, como dizia Leão XIII, ou tomem a atitude correta voltem ao seio da Una e Santa Igreja Católica Apostólica Romana.

Romário Kionys de Freitas Dias
Leigo Escravo de Jesus Cristo em Maria!

1 comentários:

Maycon Castro disse...

HAHAHAHAHAHAHAAHHAHAHAHA, aqui de fora os não cegos podem estudar e ver que issoo não tem nada haver com demônio e blablabla
A maçonaria prega a paz e o amor entre seus irmãos.
Quando se entra na irmandade você começa a ver a vida e Deus com Olhos diferentes, puros!

Postar um comentário